Skip to content

Próximos passos…

Apos todo o mix de emoções, o gosto que fica é ótimo! Confesso que é estranho algo que você espera tanto, por tanto tempo surgir no dia mais comum da sua vida. Acredito  que é algo que muitos na minha “safra” provarão porque nosso processo foi doloroso e longo.

Bom pessoal,

Como todos da comunidade viram, nosso foi um dos primeiros processos (Nov/2010) a ser desenterrado pelo consulado. Gostaria de agradecer o carinho de todos nesse momento tão feliz para nos. Sei que essa informação representa um alivio alguns e mais tensão para outros.

Da minha parte pretendo manter o blog atualizado com todas as informações uteis para comunidade. Temos muito que fazer agora!  Resgatamos a lista de tarefas do processo que já estava empoeirado com teias de aranha.

Não sei se é novidade, mais segue o conteúdo do envelope pardo:

1-       Recebemos uma carta simples (não precisa assinar nada, vai direto na caixa do  correio)

2-      Carta com instruções sobre os exames médicos (em português)

Detalhe: Conforme instruções, devemos enviar os exames para Ottawa regional Medical Office em Ottawa.

3-      Carta com instruções sobre o estagio atual do processo e os procedimentos para envio dos passaportes.

4-      Etiquetas para colar nos passaportes.

5-      Planilha com os valores a serem pagos para emissão do visto (uma facada R$ 1.890)

6-      Formulários médicos com foto de cada um.


Os próximos passos serão:

  • Marcar as consultas
  • Fazer os exames
  • Abrir conta no HSBC
  • Pagar as taxas
  • Enviar os exames para Ottawa
  • Enviar passaporte para Consulado

O “how-to-do” dessas tarefas deixo para os especialistas nos blogs do http://eunoquebec.com e  http://sueje.com  dois bogls de alto nível super recomendado.

Bom pessoal é isso, assim que for cumprindo essas tarefas vou atualizando aqui para vocês!

Abrs,

Eduardo

Anúncios

16 messes depois…! Chegou o pedido dos exames médicos!!

ImageE quando menos se espera, isso acontece! sem palavras estamos em choque uma mistura de emoções chegou hoje dia 30/3 o nosso combo, pedido de passaporte mais exames médicos, depois conto com mais detalhes tudo que contem nesse pacote!

PESSOAL DOS 16 MESES NOSSA HORA CHEGOU!

abrs!!!

16 meses de Espera…

Ainda estamos aqui, quem tem pressa de viver né? Nosso processo do mês 11/2010 ainda não foi processado. Parece que a fila parou ali e não quer andar mais. O pior de tudo é toda a especulação sobre o fim do processo depois das palavras do ministro. Sinceramente não me preocupa e sabem por quê? Se acabarem com o processo por aqui, e derem um tapa na cara de 1 milhão de pedidos abertos, simplesmente vou fazer o processo por la, muita gente desistiu de fazer aqui e foi para la e provavelmente já caminhou com o pedido.

Nos não admitimos ser derrotados por um processo litigioso e burocrata como esse, levaram nosso dinheiro mais a nossa liberdade nunca.

Ah Canada você foi mexer com brasileiros, nos somos um povo determinado, sempre acha um “jeitinho” nisso somos bons.

Só para constar, o site do Consulado do Canada foi alterado novamente para o prazo de 16 meses.

Image

Contato com Consulado. Half empty or half full?

Olá pessoal,

A vida nos ensina ter perspectiva. E nos ensina também a brigar pelo que é certo e justo. Durante 14 messes ou 1 ano e 2 messes, esperei; e esperei e como todos esperei. Hoje percebi que cansei de esperar e cansei de segui as regras, vi o prazo mudar de 6 para 10 e para 14 messes para emissão do visto, segurei toda a minha vida no ano de 2010, ou seja, o ano de 2011 praticamente passou em branco, hoje senti que era preciso romper uma barreira.

Tudo isso, e mais o sentimento de ter sido deixado para trás, me fez acordar hoje com vontade de simplesmente largar tudo e simplesmente ir. Felizmente após a “fissura” passar consegui canalizar isso decidi mandar um e-mail totalmente apelativo para o consulado. Não sei se foi a sincronicidade quântica (nada provado mais existe teorias) ou o fato de eu ter enviado o e-mail para o consulado através do meu e-mail profissional (trabalho em um renomado jornal de São Paulo, ou seja, mídia) mais consegui uma resposta em menos de 4 horas!

Segue a resposta:

“Seu pedido de visto de residente permanente no Québec está em fila para a análise, uma data exata não está disponível, as aplicações são analisadas  pela ordem cronológica em que foram recebidas. No momento estão em análise pedidos recebidos em novembro de 2010, como o seu que foi recebido em 08/11/2010.

 O tempo médio de processamento da categoria Profissional Qualificado para o Québec está em 14/15 meses.

 

 Nenhuma ação sua é requerida neste momento, queira aguardar que a próxima etapa lhe será informada oportunamente por correspondência.“

Sei que esse e-mail não significa muita coisa, mais para nos significou e muito, hoje foi quebrado o marco do silencio.

  • Sabemos com isso que nosso processo não foi perdido ou desconsiderado;
  • Sabemos que existe uma meta para cumprir um prazo médio;
  • Sabemos que estão analisando processos bem no nosso mês em que demos entrada;

Escolhemos ver o copo meio cheio, e tomamos a decisão de iniciar os preparativos de saída, que consiste em abrir conta em banco, pesquisar passagem, pesquisar moradia e varias outras coisas que estavam em “hold”.

Pode ser um pouco precipitado, mais como diz o velho ditado – Em terra de cego quem tem um olho é rei!-

Abrs!

Processing times for Quebec skilled worker = 6 messes no Brasil??? HA-HA-HA

Amigos,

Como sabem, estou na fila para finalizar o processo com o consulado por 13 messes ate agora. Como de costume, todo começo de ano tento soltar as algemas dessa vida de pre-imigrante e começo a tentar fazer planos, nessa procura por pingos de esperança, decidi navegar no site do consulado do Canada e abruptamente me deparo com essa relação:

Processing Time para o Brasil = 6 messes.

Ultima atualização 27 de outubro de 2011

Agora alguém pode me ajudar dizendo o que isso significa? (respira fundo 3 vezes)

Prefiro pensar comigo que os Canadenses são pessoas corretas e não farão uma sacanagem dessas com quem esta na fila a mais de 1 ano!

Gostaria de ouvir o que vocês que estão na mesma situação acham disso. Isso nos ajuda ou nos atrapalha.

Acho que apenas a comunidade de Blog que existe pode proporcionar esperança nesses momentos.

Obrigado

Image

Mudança no processo – O erro é do Quebec

Toda vez que paro, e penso no processo em que nos submetemos para imigrar para o Quebec acho um novo erro ou falha. O pior de todos é o próprio processo em si, muito litigioso, demorado ao extremo e ineficaz.

Alguns argumentam que as mudanças sã entre outros motivos o fato do alto custo com o imigrante, pelo custo de mesadas e curso de frances para as famílias ainda não empregadas.

Em minha opinião,

Eu não acho que o “negocio” de buscar imigrantes qualificados em outros países tem que ser só ganho para o Canada. Se hoje custa caro ter imigrantes qualificados e com francês funcional, isso deveria estar devidamente contabilizado na conta deles. Nos que recebemos o certificado de seleção aqui no Brasil fizemos nossa parte, todos desprendemos uma alta quantia financeira para tudo isso acontecer, e o pior em um momento de crise global.  Acho que no quesito integração social, o canada tem que ter uma responsabilidade maior do que o imigrante, e cumpri-la, mesmo que isso represente o pagamento de “mesadas” e cursos de francês para alguns imigrantes que por algum motivo fugiram da curva normal do processo.

Hoje o Canada importa algo que nos próximos anos será cada vez mais caro, mão de obra qualificada. Pense, o Canada absorve (por um erro do Brasil), só os melhores, mais preparados e competentes profissionais. Esses profissionais mesmo demorando 6 ou 1 ano para produzirem (como pagadores de impostos ou parte de uma linha de trabalho), representa para economia canadense uma injeção de adrenalina direto no coração. Por já estarmos qualificados, gastando dinheiro mesmo sem o retorno imediato (nossa conta e risco), isso tudo forma um pacote é rapidamente contabilizado positivamente.

Por isso acho que não existe prejuízo nesse processo, pelo contrario só ganhos, o gasto que o canada tem hoje com essa categoria é insignificante pelo simples fato de não ser necessário criar nenhuma estrutura para nos receber. Os hospitais, escolas universidades já servem a população hoje.

Por fim, essas mudanças no fundo devem representar uma maior eficiência no processo, e quem sabe criar um ar de exclusividade no processo que pode atrair mais interessados com o perfil que eles desejam.

Brasil contabiliza 1 milhão de homicídios em 30 anos

SÃO PAULO – Com 1,09 milhão de homicídios entre 1980 e 2010, o Brasil tem uma média anual de mortes violentas superior à de diversos conflitos armados internacionais, apontam cálculos do “Mapa da Violência 2012”, produzido pelo Instituto Sangari e divulgado nesta quarta-feira.

O estudo também conclui que, apesar da redução das mortes violentas em diversas capitais do país, o Brasil mantém um índice epidêmico de homicídios – 26,2 por 100 mil habitantes -, que têm crescido sobretudo no interior do país e em locais antes considerados “seguros”.

Calculando a média anual de homicídios do país em 30 anos, Julio Jacobo Waisefisz, pesquisador do Sangari, chegou ao número de 36,3 mil mortos no ano – o que, em números absolutos, é superior à média anual de conflitos como o da Chechênia (25 mil), entre 1994 e 1996, e da guerra civil de Angola (1975-2002), com 20,3 mil mortos ao ano.

A média também é superior às 13 mil mortes por ano registradas na Guerra do Iraque desde 2003 (a partir de números dos sites iCasualties.org e Iraq Body Count, que calculam as mortes civis e militares do conflito). “O número de homicídios no Brasil é tão grande que fica fácil banalizá-lo”, disse Waisefisz à BBC Brasil.

“Segundo essas mesmas estatísticas (feitas a partir de dados do Sistema de Informações de Mortalidade do Ministério da Saúde), ocorreram, em 2010, quase 50 mil assassinatos no país, com um ritmo de 137 homicídios diários, número bem superior ao de um massacre do Carandiru por dia”, diz o estudo, em referência à morte de 111 presos no centro de detenção do Carandiru (SP), em 1992.

Fonte:http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,brasil-contabiliza-1-milhao-de-homicidios-em-30-anos-aponta-mapa-da-violencia,810908,0.htm